Ignorar Comandos do Friso
Saltar para o conteúdo principal
EN PT
Montserrat Comesaña
Centro de Investigação em Psicologia
 
  Investigador Auxiliar (CRP)
  D4393@psi.uminho.pt
   253604609 , 253601397
Montserrat Comesaña obteve seu Doutoramento em Psicologia Básica com a qualificação de “cum laude” (podemos traduzir por “com louvor”) na Universidade de Santiago de Compostela (USC), graças ao financiamento do Governo da Galiza. Nesse mesmo ano, foi contratada para uma empresa I + D + i (N-Red Soluciones Informáticas S.L.) para trabalhar como técnica de investigação. Em 2008, começou sua carreira de pós-doutoramento como investigadora auxiliar no CIPsi (Centro de Investigação em Psicologia da Escola de Psicologia da Universidade do Minho) para dar apoio a uma área recém-criada no Departamento de Psicologia Básica (área de Linguagem), graças ao financiamento da Fundação para a Ciência e Tecnologia - FCT (Programa Ciência 2008). Desde então tem trabalhado como investigadora e como docente na área da Psicolinguística. No âmbito da investigação em Psicolinguística, publicou 32 artigos em revistas cientificas de renome, como o Journal of Experimental Psychology: Learning, Memory and Cognition e a PLoS One, e um capítulo de livro. No final do contrato (abril de 2013), continuou a trabalhar no CIPsi graças ao financiamento do Governo da Galiza (Plano I2C, de abril de 2013 a dezembro de 2013). Em Dezembro de 2013 conseguiu um novo contrato como um Investigadora Auxiliar no CIPsi, novamente financiado pela Fundação para a Ciência e Tecnologia - FCT (Concurso Investigador de 2013 – um programa altamente competitivo). Atualmente é PI de um projeto sobre bilinguismo financiado pela FCT (IF/00784/2013), que dá continuidade a um outro projeto financiado anteriormente pela mesma entidade (PTDC/PSI-PCO/104671/2008). Além disso, colabora regularmente como revisora com várias revistas científicas internacionais respeitadas como a Bilingualism: Language and Cognition, Behavior Research Methods, Journal of Cognitive Psychology, Second Language Research, entre outras, e também é avaliadora de propostas de investigação para a agência executiva do National Science Centre (Narodowe Centrum Nauki – NCN, Poland; http://www.ncn.gov.pl). Ao nível do ensino, tem ministrado UC’s no Mestrado Integrado em Psicologia Experimental e suas Aplicações, na Escola de Psicologia, bem como no Programa de Doutoramento em Psicologia Básica (Universidade do Minho). Além disso, tem ministrado aulas sobre Bilinguismo em outras instituições (por exemplo, SCALab, Universidade de Lille) e integra o grupo de professores do Programa de Doutoramento em Processos Psicológicos e Comportamento Social (USC).
A sua principal área de investigação centra-se na arquitetura funcional da memória bilíngue e no modo como essa organização muda ao longo da vida, bem como na aquisição de segundas línguas (SLA). Especificamente, está particularmente motivada para compreender a interação entre fatores linguísticos (ou seja, idade de aquisição, a frequência lexical, estatuto cognata, etc.) e fatores contextuais (ou seja, exposição linguagem, métodos de aprendizagem) na representação cerebral e no processamento de dois idiomas. Além disso, está interessada em estudar o papel dos fatores percetivos no modo como os leitores eficientes reconhecem palavras.
Bilinguismo
Aquisição de Segundas Línguas
Reconhecimento visual de palavras e leitura
Publicações selecionadas
Comesaña, M., Ferré, P., Romero, J., Guasch, M., Soares, A. P., & García-Chico, T. (2015). Facilitative Effect of Cognate Words Vanishes When Reducing the Orthographic Overlap: The Role of Stimuli List Composition. Journal of Experimental Psychology: Learning, Memory, and Cognition, 41(3), 614-635. Q2 (IF = 2.862) DOI
Comesaña, M., Fraga, I., Moreira, A. J., Frade, C. S., & Soares, A. P. (2014). Free associate norms for 139 European Portuguese words for children from different age groups. Behavior Research Methods, 46(2), 564-574. Doi: 10.3758/s13428-013-0388-0. Q1 (IF = 3.048) DOI
Comesaña, M., Soares, A. P., Perea, M., Piñeiro, A., Fraga, I., & Pinheiro, A. P. (2013). ERP correlates of masked affective priming with emoticons and words ?. Computers in Human Behavior, 29, 588-595. Doi: 10.1016/j.chb.2012.10.020. Q1 (IF = 2.880) DOI
Comesaña, M., Perea, M., Piñeiro, A., & Fraga, I. (2009). Vocabulary teaching strategies and conceptual representations of words in L2 in children: Evidence with novice learners. Journal of Experimental Child Psychology, 104, 22-33. doi: 10.1016/j.jecp.2008.10.004. Q2 (IF = 2.549) DOI
2019/2020
Dissertação
Mestrado
História e Ética da Psicologia
Mestrado Integrado